my life as crazy as it is
Domingo, 3 de Abril de 2005
O sorriso do Buda
calma.jpg

Voltei...e estou melhor.

Sou uma pessoa diferente daquela que partiu...como todos em todas as viagens.Mais uma vez um sitio,um espaço,um universo tão específico como ilimitado abriu o meu coração.

O mundo existe,as pessoas existem para serem vistas assim...pela primeira vez....Sempre.

O 'Agora' torna-se irresistível...e consigo sentir o universo no meu corpo.Como um grande ser que me habita...e respira como um dragão.
Nada é tudo...e tudo é Nada.Numa simetria de beleza.

A viagem é cheia de antecipação e expectativa mas uma vez que se chega ao sítio...o sitio entre a terra e o céu...Tenchi.As emoções desaparecem e são substituidas por um sorriso.

O sorriso interior...como o sol.
As caras conhecidas fazem-me sentir que estou no sitio certo, para mais uma vez observar uma ocasião unica.E não cessa de me espantar como continuo a sentir que estou ali pela primeira vez e que é,arrebatador...uma e outra vez.
A fotografia do ultimo post evocou perfeitamente essa sensação...de casa.

Descendo a um plano mais sereno...o treino foi muito bom,não ha nada como treinar duas vezes por dia,o corpo sente-se util,a fome torna-se mais doce e a comida mais satisfaz.A mente tenta acompanhar tudo e secretamente nota que as respostas simples do mundo fisico,são as respostas para tanto do seu proprio mundo.
Os mestres inspiram-nos respeito...esse quase amor.Os colegas inspiram-nos camaradagem e riso....e torna-se tudo leve e real.

O Aikido é a melhor metáfora para a vida....arrisco-me a dizer.
Tudo o que temos num lado conseguimos ver do outro.E consegue ser,espero que sempre, mais gentil que a vida.Embora também contenha os seus riscos.
Ensina-nos a ter uma abertura de coração e de espirito...e é o caminho para o conhecimento do nosso ser profundo,a nossa verdadeira natureza.Palavras de eco ao texto que tão carinhosamente nos foi dedicado,a nós os principiantes,pelo Mestre Geoges Stobbarts Hanchi.Um grande caminhante...verdadeiramente.
Fez me ver o meu próprio Mestre numa maneira diferente...e percebi que confio neles:por isso posso aprender com eles.Se essa confiança não existisse não existia ensino.Não existia a practica.Porque existe uma verdade incontornável...e eles estão ali prontos a mostrar o caminho,para quem tem o coração aberto.

Agora enquanto me sento na sala com os meus dois gatos,lembro-me ao passar uma longa festa no pelo do meu gato,a viagem para casa.
Foi assim que me senti quando olhava a paisagem no comboio...como se uma grande mão de campos e arvores,cavalos a comer erva,cabritos a brincar...crianças em bicicletas,o céu azul e as nuvens...passassem pelo meu corpo,numa festa como a que estava a fazer ao meu gato...matando as saudades de mim e do mundo simultaneamente.

Bom ,não vos farto mais...tudo isto me faz divagar de sorriso em sorriso.Tinha saudades de escrever,e de estar aqui um bocadinho na vossa companhia enquanto me lêem:)
****aware



publicado por aware às 23:54
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

pesquisar
 
Abril 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11

17
19
23

25
28
30


posts recentes

Wisdom and Loneliness

hum...(coisas estúpidas)

Trapped

mais banalidades xP

Alma a arranhar

Cidade de mim

banalidades

Lua cheia

Oceano...

Sorriso sério

arquivos

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004